27 de fev de 2012

Num ponto alto da cidade eu vi as torres que brilhavam
que me deixaram com saudade da época que eu podia tocar no brilho delas
de quando meu coração batia mais forte
e que eu conseguia
pensar
livremente
sem tapas na cara
e sem raiva.

Nenhum comentário: