3 de mai de 2012

Hoje foi a segunda vez nessas semanas que recomendaram tirar um tempo para relaxar.
Desde soltar os músculos e focar no tanden, até mergulhar no nosso passado e libertar lembranças desagradáveis.
Não sei, acho que a segunda opção eu já fazia com esses textos.

Mesmo assim, falta tempo. Falta tempo ainda para dar aquela respirada de ar gelado.
Tempo ou oportunidade?
Ou os dois?

Fica meu conselho (mesmo eu não seguindo):
Seja feliz e relaxe quando puder. Se não, vai sentir "dores de cabeça que são reflexos de tensões nos músculos do pescoço"!

Sem muito foco nos sentimentos dessa vez.
Relaxado, tranquilo e satisfeito.

____________
Eu escreveria hoje aqui mesmo sem email.
Não sei qual Rafael que existe de verdade.

27 de fev de 2012

Num ponto alto da cidade eu vi as torres que brilhavam
que me deixaram com saudade da época que eu podia tocar no brilho delas
de quando meu coração batia mais forte
e que eu conseguia
pensar
livremente
sem tapas na cara
e sem raiva.

2 de set de 2011

Var

A vida influenciou.
Não sei se de forma boa ou ruim.
Isso é relativo, às vezes eu estou mais chato e, por isso, você é mais chata.
Perdido, com medo e esperando pra ver.
Minha vida tem sido esperar mesmo.